breizh café

O crepe mais sensacional que já comi vem de lá.

Não se engane pelo nome ‘café’, lá é uma típica creperia da Bretagne (o nome Breizh quer dizer Bretanha, em bretão). Desde crepes de sabores típicos até os mais experimentais, existem vários tipos lá. Quem me acompanhou da última vez foi o chef Lucas Corazza, do programa A Confeitaria, do canal Bem Simples, e nas palavras dele: “Pela primeira vez na vida estou comendo um crepe. Tudo o que já comi com o nome crepe antes não era um crepe comparado a este.”

Dos crepes que eu mais gosto é o de presunto de parma e ovo estrelado. Simples e muito saboroso. Recomendo ainda mais os crepes doces. Entre opções como banana, chocolate, nutella… Encontrei um de caramelo de açúcar negro japonês com sorvete de chá verde. Incrível.

E pra acompanhar o ideal é tomar uma sidra. Aí você lembra de algumas sidras comuns no Brasil e torce a cara né? Não faça isso, as sidras são excelentes e é o que melhor harmoniza com o prato. A carta deles é bem grande e você bebe num pequeno e simpático bowl.

Normalmente é bom fazer reserva. Após 20h nunca dá pra entrar sem reserva, nem em dias de semana. Se você chegar umas 19h e estiver a dois pode ser que consiga mesa. Não sei se é tão cheio pro almoço pois nunca fui nesse horário. O preço da refeição? Um crepe salgado, um doce e meia garrafa de sidra saem por cerca de 20 euros. O Breizh Café ainda fica num dos meus bairros preferidos de Paris, o alto Marais.

Logo ao lado existe a épicerie deles, onde você encontra todos os produtos típicos da Bretagne para fazer crepes, entre outras iguarias vindas do mundo.

Breizh Café \ 109, rue Vieille du Temple \ 3ème \ breizhcafe.com

Anúncios

Tags: , , , , , , ,

2 Respostas to “breizh café”

  1. Jussara Tuma. Says:

    Tá certo que eu só fiquei uma semana em Paris… mas sabe qual foi o melhor crepe que eu comi? Um da barraquinha dos Jardins de Luxemburgo… não se pela simplicidade, por ter sido minha primeira refeição parisiense ou se porque era realmente bom demais! rsrsrs
    Em todo caso, dica anotada! Vai que a gente resolve aparecer logo por essas bandas daí de novo….

    • gpoulain Says:

      conheço! é uma delícia também, Jussara, super recomendo. acho que são experiências diferentes. o do Jardin é ótimo pra época de primavera/verão, eu amo o Jardin du Luxembourg! e ele é delícia mesmo. mas numa época de frio, sentar dentro do Breizh Café é uma experiência excelente também, experimente numa próxima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: