carta amarela #19 – fins e começos

Paris, 17 de junho de 2012

Queridos amigos,

Há alguns anos atrás, quando me formei em design gráfico, tive a oportunidade de escrever o discurso de orador (mesmo que não tenha sido eu quem leu no auditório). Me emocionei escrevendo, pois é a hora em que a gente recorda com maior gratidão todo o vivido, o aprendido, as pessoas que passaram na sua vida, e usa esse passado para começar uma nova vida futura.

Sexta-feira tivemos nossa última aula (sim, passei na prova final e sou um patissier, viva!). Foi uma aula muito tranquila, um dia depois da prova, cada um podia cozinhar o que queria na sala e nos sentamos, todos juntos em volta de uma mesa, cantamos, rimos e comemos daquilo preparado por nós mesmos, enquanto nosso chef contava piadas terríveis.

É normal do ser humano querer viver tudo de uma vez só. E, nesses meses, vivemos afobados. Foi tudo vivido de forma muito intensa. Cada um tem sua vida passada e viemos aqui atrás de novas oportunidades para conseguir o que queremos. Há alguns meses começamos nossa jornada na pâtisserie. Cada qual com seu tempo, seu entusiasmo, seus projetos e dificuldades. Tentando viver um dia de cada vez.

Aprendi, nesses meses, mais do que ser bom profissional. Aprendi a conviver. A rotina nos trazia estafa e comparamos um pouco com o que vivem em um confinamento de reality show: A cada dia um desafio novo, com poucas horas a realizar tudo, se comparado à quantidade de trabalho. Os dramas afloravam, os desentendimentos aconteceram. Aprendemos a trabalhar em duplas que muitas vezes a gente não queria.

Todo mundo veio carregado de valores diferentes, cada um a seu gosto e desgosto. Cada um com suas diferenças, com sua cultura, mas em busca de um mesmo objetivo. Continuaremos indo atrás de outros sonhos. Agradeço a cada um pelo vivido, e, como disse um amigo: “see you all there in the world”.

E também penso que nenhuma conquista poderia ser celebrada com alegria se eu não tivesse ao meu lado aqueles a quem amo e que me fizeram sentir amado sempre. Não há fronteira que me delimite: a minha vitória é também das pessoas que amo, as felicidades são divididas. O que sou hoje é permeado de pedaços de cada uma dessas pessoas especiais. Quando duvidei de mim mesmo, pude continuar porque tive a confiança merecida de quem eu gosto. As experiências compartilhadas, os afetos trocados, os sorrisos e encantos dão sentido ao que foi e será realizado. Agradeço meus amigos, família e especialmente meus pais.

E sei que o vivido foi intenso. Rick se despediu de Ilsa e disse, numa das frases mais famosas do cinema: “We’ll always have Paris”.

Vejo vocês pelo mundo. E nós sempre, sempre teremos Paris.

Um beijo cheio de açúcar,

Gui

Fotos :: Yu Hsuang Cheng

Anúncios

Tags:

33 Respostas to “carta amarela #19 – fins e começos”

  1. Says:

    Parabéns pela formatura Gui!!!!
    Espero que os novos passos sejam ainda mais deliciosos!!!!
    Bjs

  2. Ana Paula Says:

    Parabéns por sua vitória. Lindo texto, mais uma vez. 😉

  3. Ana... Says:

    : )

    Conseguiu, simples assim.
    Parabéns! Merecido, só vocês tem a dimensão dos dias vividos e o aprendizado adquirido.
    Respeito muito todos vocês por essa conquista, esta(conquista) finalizada com suas doces palavras.

    Grande abraço, Ana…

  4. João Says:

    Antes de qualquer coisa, PARABÉNS! Tenho certeza que você vai usar esse conhecimento adquirido da melhor forma possível. Muita sorte na sua vida, o que você viveu aí com certeza fez você uma pessoa muito melhor do que era antes. Abraços!

  5. Érika Says:

    Parabéns, fofura!
    Saudades sempre…
    Já está de volta?

  6. Anahy Says:

    Parabéns pela conquista querido amigo e colega! Conte comigo para o que precisar. Sucesso sempre! Adorote muito! Bisous

  7. alexsandro roppe Says:

    Hola Guilherme,
    Parabéns!! pelas novas conquistas, pois o mundo é o limite quando buscamos os nossos sonhos, e tive a oportunidade de compartilhar os meus com você, com a Anahy e com varias outras pessoas tão queridas. Então, hoje sabendo de mais esta conquista na sua vida, só tenho felicidades a lhe desejar.
    Um grande abraço,
    Alex

  8. Juliana Salles Says:

    Querido primo, parabéns por mais esta etapa concluída! Você merece muiiiito sucesso! Te adoro! Mesmo estando tão longe, torço muito por você! Bjs e espero te ver em breve, aqui ou aí, quem sabe?!?

  9. Eduardo Amarante Says:

    Parabéns querido! Fico muito feliz com sua VITORIA!

  10. Sil Says:

    Mais um texto maravilhoso! Você é um artista mesmo! Patissier e escritor! Parabéns pela formatura e por tantas conquistas tão importantes e especiais! Obrigada por existir e por ser tão especial! Muitos beijos da prima

  11. Mariana Says:

    Parabéns, Gui! desejo muito sucesso a você! mas, desejo, sobretudo, que continue a escrever de forma tão bela e envolvente, conquistando sempre mais pessoas. e que continue moldando e distribuindo afeto por onde você for…
    sorte!! beijos

  12. Juliana Muniz Says:

    Pesquisando sobre viagens para Paris, encontrei seu blog, cheio de palavras lindas, e vividas com intensidade.. E esse maravilhoso texto..
    Não te conheço, mas desejo toda felicidade do mundo, e todos sonhos realizados, parabéns pela conquista.

  13. Lígia Passos Says:

    Li sua matéria no Conexão Paris e vim conhecer seu site. Adorei!!!
    Você está fazendo o que eu quero fazer!!!
    Aprendi a amar a cozinha e a confeitaria há pouco tempo. E esse ano comecei o curso de Confeitaria Profissional do IGA, aqui em BH. Mas pretendo realizar um sonho, que é morar pelo menos um tempo em Paris, e juntar com um curso de confeitaria.
    Qual é o curso que vc fez? Estou olhando o site da Ferrandi e não consegui achar nenhum de 5 meses, como vc disse no Conexão Paris.
    Posso te incomodar de vez em quando com algumas perguntinhas sobre os cursos??? Juro que não vou abusar hehehe!!!
    Beijos e parabéns!

    • gpoulain Says:

      oi Ligia, meu curso está na área chamada ‘internacional’ no site. é o curso pra estrangeiros em geral. e é de um ano, porque contabiliza 5 meses de curso com 6 meses de estágio, sem o estágio você não ganha o diploma. qualquer coisa me manda e-mail pra masseriabh@gmail.com ok?

  14. Focus Educacional Says:

    Oi,Guilherme.
    Parabéns por suas conquistas! Li seu post lá no conexão paris ,da Lina que sigo quase como se fosse uma guia espiritual(rs) e queria algumas dicas. Meu filhote mais velho(16), quer estudar gastronomia ou história…viajamos muito e em janeiro levei-o para a Europa.Queríamos que ele entrasse pela França,para se apaixonar logo de cara..apresentamos a Provance e Paris,claro. Sugeri que ele terminasse a escola e, antes de qualquer coisa, fosse fazer uns cursos básicos de iniciantes na gastronomia, viajar, conhecer cheiros,culturas..vivo dizendo que gastronomia não é o glamour dos programas de tv que eles veem hj e que é muita ralação, com prazer, mas ralação..
    Vc teria como indicar alguns cursos por aí..e, se souber por aqui tb. estamos no Rio..não precisa ser famoso..mas tem que ser bom..até para ele ver se é isso mesmo que quer, né?Depois ele se oferece para estagiar de graça e vai vendo o dia a dia..rs.

    De qualquer forma obrigado e parabéns novamente.
    Cláudia Spitz

    • gpoulain Says:

      oi Cláudia, tudo bem?

      pois é, gastronomia é uma ralação danada! muita gente entra no curso errado pois gosta de cozinhar. quem só gosta de cozinhar deve ir fazer cursos de cozinha e não gastronomia! não sei te indicar nenhum no Rio, não os conheço, mesmo! eu mesmo fiz curso de cozinha intensiva na Argentina, que era barato e bom, só pra ver como era. foram 5 excelentes meses que me fizeram querer estudar mais e vir pra França. mas eu também já era mais velho, já tinha me formado em outro curso no Brasil… talvez no Rio tenha algum curso intensivo que faça ele entender bem de cara a dureza da coisa (os cursos intensivos te jogam no chão de tão puxados e te fazem ver se é isso mesmo ou não!).

      Espero ter ajudado um pouco com minha experiência.

  15. Junior Brito Says:

    Não cozinho nada mas, gosto de um bom prato, rsrsrs! Estava pesquisando restaurantes p/ ir em julho em Paris e entrei no seu blog e fiquei encantado com o que vc escreve e com vontade de comer as delicias que vc faz, rsrsrs!! Parabéns, seu blog é show!

  16. Scarlett Says:

    Parabéns Guigui!!\o/

    “A alegria do triunfo jamais poderia ser experimentada se não existisse a luta, que é a que determina a oportunidade de vencer.”

    Como sempre arrasou!Lindo e emocionante texto.
    bjs mil

  17. dehfive Says:

    Gui, seu lindo! Já faziam alguns dias que não entrava aqui. Ai eis que volto e tá essa movimentação toda! ❤ Menino, que coisa maravilhosa! Ok, vamos por partes.

    Acho que tenho um pouco dessa coisa sua: nada somos sem aqueles que estão por perto nos dando força, certo? Sou dessas que acredito que ninguém é feliz sozinho e cada pessoa que pisa em nosso caminho faz total diferença. Aliás, estou passando por uma coisa dessas agora, prestes a começar um percurso meu, porém no mesmo estilo de uma busca – uma eterna busca.

    Fico tão feliz de te ver assim! Lembro de conversarmos antes de você ir e ouvir você dizer que estava ansioso e animado, porém com medo já que não teria tempo nem para respirar por aí. O que importa é que foi uma experiência surpreendente e maravilhosa. E que certamente te fez uma pessoa ainda melhor e mais feliz.

    Quando vem para BH para colocarmos assuntos em dia? ❤

    Beijo!

    Te adoro!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: