bolo de banana caramelada

Sei que perece meio pedante (e meio @victorfasano, ainda existe esse twitter?) falar isso, mas adoro sentar pra ler um livro com uma xícara de chá e um pedaço de bolo. Já até falei aqui meu lugar preferido pra fazer isso quando morei em Buenos Aires. Dia desses, vasculhando a internet caí na página do one-minute book review e dei de cara com um post falando dos eufemismos nas críticas literárias.

Janice Harayda, cansada de tanto ler “aclamado”, “voz de uma geração”, entre outros termos em críticas, perguntou a editores, escritores e críticos, via twitter mesmo, o que significavam cada um deles. E é cada pedrada, olha só alguns:

“épico”

longo demais (@sheilaoflanagan, escritora)

“lírico”

não acontece muita coisa (Peter Ginna, editor da @BloomsburyPress)

“estreia promissora”

muitos erros, mas nada ruim demais (@mathitak, crítico)

“aclamado”

vendeu pouco (Peter Ginna, editor da @BloomsburyPress)

“muito aguardado”

atrasado (@janiceharayda, editora do one-minute book review)

“emotivo”

o personagem principal é um cachorro, um homem velho ou os dois (@kathapollitt, colunista do The Nation)

“visionário”

ainda provou não estar errado (@IsabelAnders, escritora)

“voz de uma geração”

datado (@MarkKohut, escritor)

Achei interessantíssimo. E com essas frases, peguei um livro… err… surpreendente (o tão falado Precisamos falar sobre o Kevin), fiz um dos meus bolos preferidos (ó a receita aqui em baixo) e tive um ótimo começo de noite chuvosa.

:: 4 bananas prata

:: 1 xícara (chá) de açúcar mascavo

:: 1 e 1/2 xícara (chá) de açúcar cristal ou refinado

:: 1 xícara (chá) de farinha de trigo comum

:: 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo integral

:: 2 ovos

:: 50g de manteiga em temperatura ambiente

:: 2 colheres (chá) de fermento em pó

:: 1/2 xícara de leite

:: 1 colher (chá) de essência de baunilha

Preaqueça o forno a 180ºC. Coloque 1 xícara do açúcar cristal ou refinado dentro da forma. Nela mesmo faça o caramelo, deixando derreter o açúcar. Com ajuda de uma colher esparrame todo o caramelo pela forma.

Fatie duas das bananas e esparrame-as uma ao lado da outra sobre o caramelo. Tente fazer fatias finas. Reserve.

Na batedeira, junte a manteiga com o açúcar mascavo e a meia xícara de açúcar cristal ou refinado. Bata até formar um creme. Adicione os ovos e o leite.

Amasse as 2 bananas restantes e junte à mistura também. Por último coloque a essência de baunilha, as farinha de trigo (comum e integral) e o fermento. Misture bem.

Coloque a mistura na fôrma, em cima da cobertura de banana e leve pra assar por cerca de 40 minutos ou até que você enfie um palito e ele saia limpo. Desenforme o bolo ainda quente pro caramelo não grudar.

Rendimento :: 1 bolo (minha fôrma tem 30 x 11cm)

Tempo de preparo :: 30 minutos + 40 minutos de forno

Dificuldade :: média

 

Anúncios

Tags: , ,

12 Respostas to “bolo de banana caramelada”

  1. Patricia Scarpin Says:

    Que bolo LINDO! Super dourado, do jeito que gosto! Bolos de bananas são super favoritos meus. E eu estou louca pra ver esse filme, há um burburinho enorme sobre a interpretação de Tilda… Tenho certeza de que ela está maravilhosa no filme.

  2. pequenachef Says:

    Adorei o bolo! Adoro qualquer coisa com banana caramelada 😛
    Você sabe fazer um doce que se chama ‘espera marido’?

    • gpoulain Says:

      não sei não, como é?

      • pequenachef Says:

        tem tipo uma base com leite, azúcar e maizena (não sei que nome tem isso) molinha e em cima caramelo mole com banana em rodelas, cozidas no caramelo…

        queria saber se você sabia porque estava com dúvidas de como se faz o caramelo, mas perguntei pra uma professora e ela me explicou mais ou menos ^^

  3. Aline Says:

    Fiz a receita e todo mundo gostou!
    Achei apenas MUITO doce… Penso que a metade de açúcar para caramelar seja suficiente, assim como apena o açucar mascavo na massa! Fora isso, inventei e coloquei canela na massa (muito bom!) e na próxima quero arriscar o cardamomo…

  4. lembrancinhas de comer « Says:

    […] bolo de banana caramelada […]

  5. Sofia Passos Rezende Says:

    Me conta uma coisa… como que faz esse caramelo na forma exatamente?

    • gpoulain Says:

      oi Sofia! basta colocar o açúcar e ligar no fogão mesmo, usando a forma como se fosse uma panela. ele vai derreter e assim que virar caramelo só puxe ele pra pegar nas beiradas também com uma espátula.

  6. Sofia Passos Rezende Says:

    Hum… sem colocar nada de água então?

  7. bolo de banana com castanhas brasileiras | Says:

    […] caramelizada como essa. Dessa vez resolvi fazer uma variação de um bolo que eu já postei aqui, só que agora com um gostinho a mais: castanha de caju e castanha do pará, ambas grosseiramente […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: