Amsterdam

Enfim chegamos à última parada da viagem: Amsterdam. A cidade é muito bonita, mas pra gente foi um grande choque sentir muito frio em plena primavera, após passar calor na Itália e França. Tive a sensação que a cidade realmente respira tudo aquilo que já ouvira falar: sexo, drogas e flores!

O que achei imperdível

Museu da Anne Frank :: Acho impossível não se emocionar. Nunca li o livro mas achei muito bacana o que fizeram na casa onde ela viveu escondida. Chorei a ponto de passar mal. E vi lá o segundo Oscar da minha vida! Ah! A cafeteria de lá é excelente e com preço razoável.

Museu Van Gogh :: Se você gosta do pintor, tem que ir. O prédio do museu é muito bonito e são muitos os quadros do pintor. A lojinha também é bem bacana apesar de ter algumas coisas de mal gosto, como por exemplo, um chaveiro de orelha (pra quem não sabe, em sua loucura Van Gogh decepou a própria orelha). OI?

Museu Heineken :: Sensacional! Você entra lá, te dão uma pulseirinha com dois botões. Até aí tudo bem, você inclusive acha que pagou caro pra entrar naquilo (15 euros), vai passeando pela história da cervejaria… E de repente você está num mundo fantástico, onde você passeia por toda a fabricação da cerveja, entre máquinas, esteiras, vídeos e degustações, numa experiência pra todos os sentidos do corpo. É sensacional. Não quero entrar mais em detalhes para não estragar todas as boas surpresas que tive dentro desse museu. E no final você vai num bar interativo (com essas mesas em touchscreen que você faz várias coisas com o toque do copo, não da mão) e bebe duas cervejas!

Red Light :: Foi uma aventura bem dark, no sábado à noite, passear pelas ruazinhas e ver as prostitutas nas vitrines. É uma sensação meio perturbadora meio fascinante.

Ir beber cervejas nos moinhos! Provei ali das melhores cervejas da vida! Você pode pedir um menu degustação (5 euros por 5 copos de cerveja) e depois escolher a que mais gostou e ir pedindo só dela.

Sobre a comida

Bom, não tenho muito o que falar aqui. Fui pra lá informado que não existe prato típico e realmente: você vê restaurantes italianos, franceses, gregos, mexicanos, árabes, orientais e… Mais nada! Num quiosque cheio de pop cards turísticos achei alguns com receitas e fiquei empolgado! Quando fui ver eram receitas de pizza, arancinis. O mais holandês é comer batata frita. Sério. Tem vários quiosques de batatas fritas pela cidade onde você compra um cone e escolhe qual molho quer colocar.

Algo de lá que amei foram os Stroopwafels. São uma espécie de wafer recheado com caramelo. Mas é o melhor wafer que já comi. É sensacional e trouxe um monte pro Brasil e dois meses depois ainda os economizo de medo de ficar com abstinência quando acabar. Juro que é sensacional. Ainda comprei uns no supermercado que vem em latinhas super fofas com a estampa típica holandesa.

É isso, não teremos receita de Amsterdam já que não temos prato típico, então ficamos na cerveja! CHEERS! Até a próxima viagem com mais miniguias.

Fotos :: Marcus Martins e Lorena Borges (Amsterdam), Guilherme Poulain (stroopwafels e receitas)

Anúncios

Tags: , , , , , , ,

5 Respostas to “Amsterdam”

  1. zazoza Says:

    HUmmm Stroopwafel é muito bom!!!!! Quando os que voce trouxe acabarem, saiba que no verdemar tem hahaha ❤

  2. Carol Capacle Says:

    Realmente o Stroopwafels é muito bom! E os holandeses ensinam a colocar o waffer sobre a xícará de chá bem quente e aguardar uns segundos…o caramelo do meio “derrete” e estiiiiicaaaaa….quando a gente morde! Uma outra maneira de apreciar esta delícia!

    Comida típica holandesa é meio “escassa” mas espero que tenha provado o famoso croquete holandês…Muitoooo bom!

    Ah, conheci o blog hoje, por meio do Chata de Galocha…Parabéns…Impecável!

  3. Jussara Tuma. Says:

    Fui buscar uma receita de Torta Holandesa por aqui (aquela que não tem na Holanda!) e acabei encontrando algo ainda melhor!!! Super me identifiquei! Achei exatamente isso de Amsterdam… Até as comidas, tudo (tirando a cerveja, que não é minha praia… meu paladar não aceita de jeito nenhum).
    Comi em um restaurante lá, no último andar de uma super loja de departamentos, cheio de estações, para todos os gostos (fui de salada, e o marido, de massa), e amei! Foi a melhor refeição ali…
    Mas voltando ao porque eu cheguei até aqui… você não tem uma torta holandesa sua versão não?? Já achei tantas receitas por aí, mas não consegui amar nenhuma…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: